Evangelização

PERDÃO

Perdoar é tomar a decisão de começar uma vida nova

Ao machucar uma pessoa, você se torna inferior a ela; ao se vingar, você se iguala. Só é superior quem aprende a perdoar

O perdão é uma decisão pessoal que beneficia, em primeiro lugar, quem toma a iniciativa. O perdão é muito mais para mim do que para a pessoa que me ofendeu. Por isso, a decisão de perdoar depende mais de mim do que dos outros.

Perdoar é recuperar o poder sobre si mesmo. A mágoa me coloca na mão do outro; o perdão me devolve a autonomia sobre minha própria história.

Perdoar é assumir o presente, é viver e mergulhar nele. Perdoar é não sofrer por aquilo que não posso mudar ou resolver. Não podemos mudar o passado. Nunca!

Começar uma vida nova

Perdoar é tomar a decisão de começar uma vida nova. O que fazer para sofrer menos? Isso exige buscar, em primeiro lugar, o Reino de Deus. É decidir-se pela primazia do Reino, e não do encardido. É optar pelo bem, divulgá-lo. É aprender a sintonizar-se no bem.

Recorde seus grandes objetivos de vida. A mágoa distorce os objetivos. Esquecemos as grandes e permanentes verdades e nos guiamos por momentos. Qual é mesmo a minha grande meta? Vocação!

Escolher pelo amor

A vida sempre segue adiante, ela não pára. Devemos aprender a concentrar nossas atenções sobre as coisas boas da vida. Se já estragou o passado, não permita que estraguem o presente nem o futuro. Não devemos sofrer por aquilo que não podemos mudar. Não podemos mudar o passado.

Ao machucar uma pessoa, você se torna inferior a ela; ao se vingar, você se iguala. Só é superior quem aprende a perdoar. A mágoa foi o jeito que o encardido encontrou para permanecer conosco todos os dias, até o fim dos tempos.

Fonte:  canção nova