Medidas tomadas pelo MP, TJ e Estado para sistema prisional são destacadas pela presidente do STF

Em visita a Goiânia, nesta sexta-feira (9/2), a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármem Lúcia, destacou o empenho do Ministério Público de Goiás, do Tribunal de Justiça e do governo de Goiás para a tomada de providências imediatas de melhoria do sistema prisional no Estado. A agenda da ministra no Estado teve início no período da manhã, na solenidade de entrega do novo presídio regional de Formosa, no Entorno do Distrito Federal.

 

Destruição de armas
Ao desembarcar em Goiânia, no final da manhã, a ministra compareceu à solenidade de destruição de 3.249 armas apreendidas, que estavam em poder do Judiciário goiano. O evento aconteceu no Comando de Operações Especiais do Exército Brasileiro, no Jardim Guanabara. No total, serão destruídas mais de 25 mil, o equivalente a 96% do acervo de armas de fogo guardadas pelo Judiciário.

As que não foram enviadas para destruição são revólveres, pistolas e similares que ainda estão ligados a processos judiciais em tramitação. Além delas, parte das armas foi selecionada para doação às Polícias Civil e Militar e Guarda Municipal, levando em consideração sua funcionalidade e estado de conservação. De acordo com o Tribunal de Justiça, esta foi a maior entrega de armas destinada à destruição já registrada no Brasil

Share
Total de acessos: 16

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *